Autoria: Danilo Di Prete
"Nesta edição, é reutilizado o esquema "imagem importada das artes plásticas + textos informativos", como na segunda Bienal, repetindo-se também a autoria por um destacado artista do abstracionismo informal brasileiro. Ainda que a imagem e o diagrama sejam competentes e precisos, trata-se de um exemplo de submissão da linguagem gráfica à linguagem das artes plásticas". Bienal 50 Anos, 1951-2001, 2001, p.294